Apostar em Independiente x Flamengo no Bumbet

Independiente-ARG e Flamengo duelam na final da Copa Sul-Americana

Argentinos jogam em casa e são favoritos; brasileiros entram sem pressão

A Copa Libertadores da América conheceu seu campeão na semana passada. O Grêmio foi à Argentina e bateu o Lanús por 2×1 para conquistar o tricampeonato. Dessa vez, outro campeonato continental terá o confronto entre brasileiros e argentinos na final. De um lado o Independiente-ARG e do outro o Flamengo. Quem será o campeão da Copa Sul-Americana de 2017? O primeiro jogo acontece nessa quarta-feira, às 21h45 (horário de Brasília), na Argentina. Segundo as nossas cotas, vitória do Independiente está rendendo R$2,15 para cada real investido, contra R$3,52 para triunfo dos visitantes e R$3,06 em caso de empate. Você pode saber tudo sobre futebol clicando aqui! Vamos às análises:

 

Independiente-ARG x Flamengo

As duas equipes fazem grande campanha nessa edição da Copa Sul-Americana. Os argentinos mostraram um bom futebol até agora, sempre utilizando o jogo aéreo e com um sistema defensivo bem compacto, utilizando-se de dois laterais que dão mais atenção à defesa que ao ataque. Os atacantes Leandro Fernández e Gigliotti são os destaques da equipe, embora o técnico Ariel Holan opte por usar um ou outro. Nos últimos jogos, o segundo nome tem sido o escolhido para iniciar as partidas. Sánchez Miño, Barco e Tagliafico são outros nomes que se sobressaem no elenco.

O Flamengo está invicto na competição, tendo passado com tranquilidade por Palestino-CHI e Chapecoense; em seguida, nas quartas-de-finais, eliminou o rival Fluminense. O futebol apresentado é muito criticado durante todo o ano, mas este final de temporada tem sido positiva para o clube. Já garantido na Libertadores de 2018 após vencer o Vitória na última rodada do Brasileirão, o Flamengo entra com o único objetivo de conquistar um troféu internacional, feito que não acontece desde 1999. O grande objetivo dos jogadores era conquistar a vaga no maior torneio continental, com isso, a partida contra o Independiente pode servir para que torcida, diretoria e jogadores façam as pazes no final do ano e tenham mais tranquilidade para recomeçar no ano que vem. Isso é ótimo para o Flamengo e pode ser um fator de desequilíbrio nessa final.

Dentro de campo, é possível afirmar que seja lá quem vencesse entre Flamengo e Junior Barranquilla-COL seria o favorito para a final, pois ambos são melhores que Independiente-ARG ou Libertad-PAR. Com a confirmação dos brasileiros na final, o quadro não mudou. Há mais qualidade técnica na equipe carioca, assim como também há mais experiência. O Independiente tem uma boa equipe, mas nota-se que existe uma certa dificuldade nos argentinos em conseguir fazer o futebol fluir com mais naturalidade. É um time com vigor físico, esforçado e organizado taticamente, mas não há muita criação, jogadas individuais e poder de improvisação, tornando-se um time mais quadrado e prevísivel. Além disso, as peças nas mãos de Holan para tentar mudar a história de um jogo são mais escassas que as de Reinaldo Rueda, e isso pode fazer toda a diferença nessa final.

No primeiro jogo, por atuar diante dos seus torcedores, que são os típicos fãs argentinos – daqueles que cantam o tempo inteiro -, acredito que essa tal diferença técnica entre as equipes vai se encurtar e os anfitriões vão apostar, principalmente, na pressão inicial, sempre com muitas bolas na área visando Gigliotti. Caberá a Everton Ribeiro e Diego saberem armar os contra-ataques do Flamengo. Aliás, três reforços importantes com relação ao jogo contra o Junior Barranquilla podem voltar a jogar nesta quarta-feira, são eles: Everton, Guerrero e Réver. O primeiro está machucado há mais de um mês e já voltou aos treinos, tendo inclusive ficado no banco de reservas na última rodada do Brasileirão. O segundo só espera a liberação da FIFA – que deve acontecer nesta segunda-feira – para voltar aos gramados. Réver sentiu a coxa e não jogou na semifinal, mas deve estar de volta.

Meu palpite é de um jogo truncado, com muita disputa, principalmente no meio-campo. Não acredito em domínio de nenhuma das equipes e aposto nos detalhes para a definição do placar. Jogando ao lado dos seus torcedores, mas tendo um futebol com menor qualidade, acredito que um empate acontecerá na Argentina. É importante frisar que, apesar das cotas apontarem para um franco favoritismo do Independiente, uma vitória do Flamengo está longe de ser um resultado azarão. Por isso mesmo, para quem gosta de se arriscar, investir na vitória rubro-negra pode ser bastante interessante.

 

Final (06 de dezembro)

21h45 – (R$2,15) Independiente-ARG x Flamengo (R$3,52) – Empate R$3,06; Palpite: empate

 

Veja todos os mercados do Bumbet para a final e aposte clicando aqui.